E a experiência Next-Gen? PS4 ou Xbone?

next-generation-coming

por @rodrigocunha

Com a aproximação do lançamento dos consoles next-gen, Sony e Microsoft seguem atirando de todos os lados. Muito se fala que o número de pre-vendas de PS4 já supera o número de Xbones e vice versa. Não há consenso. Apenas guerra de informação. Relações Públicas e nada mais.

E isso a Sony tem feito muito bem até então, fazendo a Microsoft assumir publicamente que ouviu os consumidores com relação a possibilidade do seu novo console rodar games usados. Mas, a protagonista de toda essa revolta foi a Sony, que além de vender seu console lá fora a um custo menor que o concorrente, desde o início se mostrou “do lado dos jogadores”. Uma boa estratégia de marketing 🙂

Em meio a todo esse barulho, alguns desenvolvedores começam a dar suas opiniões com relação aos dev kits que receberam e muitos afirmam que o PS4 é mais poderoso que o Xbone. E agora? O quanto de tudo isso é verdade? O “homem da mala preta” deve estar correndo para todos os lados.

MICROSOFT PREOCUPADA?

Fala-se também que a Sony está entregando dev kits (geralmente cobrados) para as produtoras gratuitamente. Aparentemente estão muito seguros do produto que desenvolveram. Já a Microsoft, veio a público informar que mexeu na arquitetura do seu novo console para obter maior velocidade de processamento.

Se o PS4 é mesmo tudo isso, como dizem os desenvolvedores, a empresa do Bill não vai querer ficar pra traz. Eles sabem como é estar do outro lado, tendo visto zilhões de vídeos comparando o desempenho de games multi plataforma no 360 e PS3, geralmente com o primeiro levando vantagem.

Pra completar, a EDGE, conceituada publicação do meio, deu matéria de capa há alguns meses, apostando claramente no PS4 como o vencedor da nova guerra. E assim, fanboys de todas as partes do mundo, vão a loucura 🙂

Hoje, a Microsoft soltou um vídeo onde Albert Penello, diretor de planejamento de produto e o representante de comunidade Graeme Boyd, explicam por que o Xbone foi feito para o futuro. Eles falam sobre processamento na nuvem, servidores dedicados, habilidade de ter todos os saves, compras, achievements e profiles acessíveis de qualquer Xbone. Também falam sobre a integração com o Skype, snap, DVR recording e reconhecimento Kinect.

Mas, devemos entender que todas essas informações ainda são muito imprecisas. Como tudo isso vai realmente funcionar? Será que o processamento na nuvem vai realmente incrementar a performance dos games para Xbones de maneira relevante ou isso é papo de marketing apenas, pra tentar convencer consumidores indecisos?

E NA SUA CASA? COMO VAI FUNCIONAR?

E aqui no Brasil? Se o console da Microsoft realmente tirar vantagem do processamento em nuvem, como ficarão os games que vão depender disso para serem melhores, já que a nossa banda larga ainda não pode ser equiparada aquela existente na Europa ou na terra do Tio Sam?

Nesse mesmo quesito entra também o Gaikai da Sony, que vai permitir que todos os games da biblioteca Playstation sejam jogados via streaming. Novamente, e aqui no Brasil? Quem vender o PS3 vai perder todos os jogos, já que jogar via streaming por aqui é algo ainda pouco provável?

Agora imagina tudo isso junto, na Copa 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s